11 de julho de 2014

O Piropo

Eu sou a favor do piropo, mas do piropo de qualidade, bem construído, criativo, inovador. 
Tenho grande dificuldade em entender homens que buzinam para mulheres. Passam, olham, pipummmm e seguem. Estão à espera de quê? Que ela desmaie de emoção ao ouvir o claxon? Que rasgue a roupas ali mesmo,  no passeio? Que se atire para cima do carro? 
E se ela fizer isso tudo? Tenho a certeza que o apitador foge assustado.
Um piropo bem feito ilumina, a buzinadela é estúpida e ineficaz.
Sejam criativos, meus senhores! Ponham os olhos nos grandes autores!

1 comentário: